Acesso Restrito a Associados:

Busca no site:
Compartilhe
Notícias

Biotecnologia em saúde reúne governo e especialistas em seminário de Bio-Manguinhos

Data: 04/05/2015

Entre os dias 4 e 7 de maio, o auditório do Museu da Vida, no campus da Fiocruz, recebe o 3° Seminário Anual Científico e Tecnológico do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz). Representantes do Ministério da Saúde, da Fiocruz e outras instituições apresentarão desafios e possibilidades para o Brasil na área da biotecnologia em saúde. Tambémserão apresentados trabalhos focados no desenvolvimento de produtos e serviços para a promoção da saúde pública.


Em sua abertura, o evento conterá com as presenças do secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos, Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa; do presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha; do diretor de Bio-Manguinhos, Artur Couto; e do presidente do Conselho Político e Estratégico de Bio-Manguinhos, Akira Homma, selecionado pela organização Vaccination como uma das 20 pessoas mais influentes na indústria de vacinas no mundo no Congresso Europeu de Vacinas de 2014.


Dentre os destaques, temas como a Ciência & Tecnologia no Brasil diante da clonagem, medicina molecular, medicina gênica e vida longuíssima serão temas de palestra inaugural do professor da FFLCH/USP Shozo Montoyamma.


Já o desenvolvimento de produtos para doenças raras e graves, estimadas entre seis e sete mil e que atingem 420 milhões a 560 milhões de pessoas no mundo, será abordado – bem como as premissas para que os chamados medicamentos órfãos sejam incorporados ao Sistema Único de Saúde (SUS), em debate entre o Coordenador-Geral de Doenças Transmissíveis do Ministério da Saúde, Sérgio Nishioka, a Presidente Executiva da Sociedade Brasileira de Profissionais em Pesquisa Clínica (SBPPC), Greyce Lousana; a Neurologista Infantil Maria Bernadete Resende e o Consultor Científico de Bio-Manguinhos Reinaldo de Menezes.


Outro destaque é a palestra sobre Aptâmeros, pequenos pedaços de DNA ou RNA usados pela indústria cujas patentes iniciais começam a expirar, tema que será abordado pelo Professor Titular Visitante da UFRJ Sotiris Missailidis . O mercado global de aptâmeros - avaliado em US$ 287 milhões em 2013 – deve atingir US$ 2,1 bilhões em 2018.


Já o Programa de Indução à Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde da Fiocruz será tema de palestra do vice-presidente de Pesquisa e Laboratório de Referência da Fundação, Rodrigo Stabeli – a mesa conta ainda com participação de Akira Homma.


Trabalhos voltados a novos produtos e serviços


Além das palestras e debates, um grupo de 23 trabalhos foi selecionado entre os 61 inscritos para ter apresentação oral durante o evento. Eles se destacam por retratar a recente produção científica e atuais desafios do setor para o desenvolvimento de vacinas, biofármacos, reativos para diagnósticos, gestão na indústria farmacêutica e outros temas relacionados.


Desses trabalhos, os três melhores receberão os Prêmios Oswaldo Cruz (1º lugar); Carlos Chagas (2º lugar); e Alcides Godoy (3º lugar). Além desses, três prêmios serão oferecidos para o melhor trabalho de Jovem Talento Científico (até 26 anos de idade): Prêmio Henrique de Azevedo Penna, Prêmio Evandro Chagas e Prêmio Sérgio Arouca.


 

(Fonte: Fiocruz – 01/05/2015)



Enquete

Associados

ipd-farma
Av. Churchill, 129, Grupo 1101 – Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20020-050
Tel: (21) 3077-0800 - Fax: 3077-0812