Acesso Restrito a Associados:

Busca no site:
Compartilhe
Notícias

Brasil é o 4° país que mais evoluiu em pesquisas científicas de saúde

Data: 05/09/2014

O Brasil ficou em 4° lugar no ranking mundial de países que mais evoluíram na produtividade de pesquisas científicas em saúde, aumentando de 39 mil publicações, entre 2004 e 2008, para 68 mil, de 2009 a2013. Os dados são do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), apresentados nesta quarta-feira (03/09), durante o III Fórum Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), realizado em Brasília (DF).


As pesquisas brasileiras em saúde apresentaram de 2009 a 2013 uma evolução de 74,4%, em relação ao quadriênio anterior, ficando na frente de países como Estados Unidos, Rússia e Japão. Apenas a China, a Índia e a Coréia do Sul conseguiram superar a produtividade no Brasil na mesma época, com evoluções de 171,5%, 87,1% e 82,8%, respectivamente.


"Esse dado revela o esforço da comunidade científica, principalmente da área de saúde, em pensar o País de uma forma diferente. Tínhamos um cenário que não apresentava estudos em saúde tão grandes. Agora, tanto o SUS como o próprio ministério (da Saúde) tem exigido mais pesquisas ao longo dos anos", apontou Fabiana Costa, do Departamento de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde.


Ainda segundo Fabiana Costa, são 24 temas priorizados dentro das pesquisas científicas elaboradas no setor da saúde. Apenas na área de sistemas e políticas, onde são trabalhadas as inovações tecnológicas, já são 272 pesquisas fomentadas. "Temos R$ 3,2 bilhões em investimentos federais no período de 2006 a 2013, conforme os dados do CNPq. É expressivo, mas sempre é preciso melhorar", ressaltou.

 

 

(Fonte: Agência Gestão CT&I – 03/09/2014)



Enquete

Associados

ipd-farma
Av. Churchill, 129, Grupo 1101 – Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20020-050
Tel: (21) 3077-0800 - Fax: 3077-0812